Outros‎ > ‎Textos‎ > ‎

Árbitros

QUEM SÃO OS ÁRBITROS?
Atualmente no Brasil, temos poucos árbitros formados e reconhecidos pela ITSF, clique aqui para conhecê-los.

QUEM PODE SER ÁRBITRO?
Qualquer pessoa interessada pode se formar árbitro através de um curso específico para essa finalidade. Normalmente os próprios jogadores se tornam árbitros e estão sempre a disposição durante torneios para "apitar" partidas enquanto não estiverem competindo.

ÁRBITRO É REMUNERADO?
Os Árbitros oficiais, podem ser remunerados por dia ou por partidas para "apitar" em torneios.
Árbitros de graduação internacional, recebem passagem e estadia para trabalhar em torneios internacionais, fornecidos pela ITSF.

COMO POSSO ME FORMAR ÁRBITRO?
Através de um curso ministrado pela ABP, dividido em 3 partes:  aula teórica, aula prática e teste escrito. Tudo pode ser concluído em poucas horas. 

GRADUAÇÃO E LIMITES:
  • Assistente - só deve apitar jogos em conjunto com outro árbitro mais graduado;
  • Regional - pode apitar qualquer jogo dentro de sua região, cidade ou estado;
  • Nacional - pode apitar até a final de um torneio de nível nacional;
  • Internacional * - pode apitar em qualquer torneio oficial internacinal;
  • Internacional ** - pode apitar até a final de um campeonato Mundial.
  • Head Oficial - é o chefe da comissão internacional de árbitros, normalmente apita as finais dos mundiais, além de qualquer outro jogo que esteja disponível.
COMO UM ÁRBITRO SOBE DE NÍVEL?
Uma vez aprovado no teste, já será considerado Árbitro Assitente, e estará apto a apitar partidas em conjunto com outros árbitros mais graduados para adquirir experiência. Para subir de nível, além de experiência, deverá ser indicado por outro árbitro mais graduado somado ao "feedback" dos competidores que tiveram jogos apitados por ele.

O QUE É AUTO-ARBITRAGEM?
Normalmente os árbitros de Pebolim são os próprios jogadores. Por isso é muito comum ver jogos sendo auto-arbitrados, ou seja, os próprios competidores é quem aplicam as regras e as penalidades nos oponentes durante suas partidas.Porém se houver controvérsias quanto a aplicação de uma falta, e não chegarem facilmente a um acordo mútuo, ao invés de discutir, devem solicitar junto a organização um árbitro designado para "apitar" o resto da partida.

CLÍNICA DE REGRAS
Não é obrigatório, mas muito aconselhável que todos os jogadores, atendam pelo menos uma vez á uma clínica de regras. É comum algumas regras serem mal interpretadas e surgirem diversas dúvidas, que são sempre esclarecidas nessas clínicas. O que não é possível ser feito apenas lendo o livro de regras oficiais.